O risco de amar – C.S Lewis

Amar é sempre ser vulnerável. Ame qualquer coisa e certamente seu coração vai doer e talvez se partir. Se quiser ter a certeza de mantê-lo intacto, você não deve entregá-lo a ninguém, nem mesmo a um animal. Envolva-o cuidadosamente em seus hobbies e pequenos luxos, evite qualquer envolvimento, guarde-o na segurança do esquife de seu egoísmo. Mas nesse esquife – seguro, sem movimento, sem ar – ele vai mudar. Ele não vai se partir – vai tornar-se indestrutível, impenetrável, irredimível. A alternativa a uma tragédia ou pelo menos ao risco de uma tragédia é a condenação. O único lugar … onde se pode estar perfeitamente a salvo de todos os riscos e pertubações do amor é o inferno.

C.S Lewis em “Os quatro amores”. smili_amor

Fonte: http://www.ricardogondim.com.br/Artigos/artigos.info.asp?tp=64&sg=0&form_search=&pg=1&id=2067

Anúncios

4 Comentários

  1. Adriana Boldrini said,

    5 de fevereiro de 2009 às 19:45

    O AMOR é o maior dos milagres, ainda que o coração se parta, certamente ele se restaura a partir do momento que mais e mais amor distribuirmos ao nosso próximo! Nenhuma condenação há aos que amam e que amam em abundância e com verdade!
    Beijos, cheios de um amor fraterno! Drica.

  2. Ailmadir said,

    16 de fevereiro de 2009 às 16:34

    Sofremos por amor porque não sabemos amar…
    Confundimos orgulho com ciúmes e egoísmo com amor.
    Nutrimos sentimento de posse, de luxúria e de avidez e dizemos que isso é amor…
    Assim há mesmo que se sofrer pois, o objeto de tanta exigênncia, pode ter outros planos que não sejam satisfazer tantas necessidades alheias.
    Pode querer reciprocidade, afeto, comppromisso… Pode querer amor…
    E, quando um dia a própria vida (ou morte) separar os amantes, o sofrimento estatá imbuído de um sentimento de gratidão por ter tido a oportunidade de experimentar o sentimento do amor, que mesmo na hora da separação, tem o dom de consolar e fazer companhia.

  3. Clerli said,

    22 de junho de 2009 às 17:02

    Provocação necessária!
    Sinceramente, ando desacreditada, embora ainda exista esperança… enquanto há vida, há esperença!
    De qualquer forma, concordo q sofremos por não sabermos amar, não sei se exatamente não sabemos amar, pode ser q não sabemos bem e ao certo o q é se relacionar, com respeito, confiança, compromisso… o alicerce da relação esta na plena união.
    Pensar sobre amar já deixa um Q de questão no ar.
    Boa provocação.
    Bjim

  4. Jacque Santos said,

    2 de fevereiro de 2010 às 12:34

    Que a verdade seja dita: se vamos sofrer ou morrer de qualquer forma, que seja então amando.rsrsrs…Acredito que não exista sentimento mais gostoso de se sentir do que o AMOR.
    Sentimento com reações sem explicação, o amor nos faz rir e chorar, viver e morrer…e bla bla bla…
    Texto maravilhoso, curto, mas com enormes significados!!!
    Um abraço e até o próximo comentário.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: